19 fevereiro 2014

Substituições ridículas | Projeto P&B #2



Em 12 dias a minha vida mudou completamente, um dia eu estava sorrindo ao seu lado, e depois de onze dias eu estava chorando no meu quarto enquanto escrevia textos e mais textos para tentar tirar todo esse peso de cima de mim. 

Eu. Sua blusa. Meu ursinho.Uma parede cheia de fotos nossas. E uma caixa cheia de lembranças. 

Tudo isso junto é bom. Até o momento em que você é tirado da minha vida e só deixa as lembranças, ai isso vira uma péssima combinação. É como uma dose de veneno letal. Uma bomba nuclear que acabou de explodir. Ou um barriu de óleo que caiu no mar, bem onde os peixinhos coloridos ficam.

Estava tentando me distrair, só que isso tem sido uma missão impossível. Achei a nossa primeira foto do dia em que nos conhecemos no Parque da Luz. Em cada canto tem um pouco de você. A garrafa da Heineken que ainda esta na cabeceira da minha cama e é o suporte para os meus pisca pisca. Não liguei essa noite... não sei quando vou estar preparada para isso, era a coisa mais legal que eu tinha feito nos últimos dias. 

Tentei ouvir alguma música, mas até a lista aleatória quer me esfregar na cara o quanto sinto sua falta. Aquele CD do Guns N' Roses, está ganhando poeira novamente. Quando estou distraída me pego cantando o refrão de Sweet Child O' Mine, lembro da primeira vez que ouvi, era 21 de julho, em um sábado de Sol e o primeiro encontro. Dear God saiu da minha lista de tocados recentemente e da lista de mais tocados. This is love, só tocara na TV quando eu estiver distraída. The Number Of The Beast foi subistituida por Wrecking Ball. Parei de cantarolar 666 the number of the beast 666 the one for you and me  e comecei a cantar Don't you ever say I just walked away I will always want you. Você me ensinou a gostar das suas músicas, mas quando foi embora levou junto esse aprendizado. Só esqueceu de levar aquele CD do Guns N' Roses da minha estante e de apagar a nossa playlist com as primeiras músicas que ouvimos juntos. O que sobrou? Uma café amargo e horrível.



Texto por: Vanessa Medeiros, escrito em: 12.01.2014, às 02:18
*Esse texto,talvez seja real, talvez seja imaginação, pode ser qualquer coisa, pode ser o que você quer que seja.




9 comentários:

  1. Gostei muito do texto, é interessante de ler porque é o que já pode ter acontecido com qualquer um, né? Inclusive comigo já aconteceu, as músicas lembram tanto... É difícil, mas temos que ser fortes, apesar de tudo.

    Um beijo,
    www.meianoiteequinze.com.br

    ResponderExcluir
  2. Gostei; palavras bem escolhidas que me fizeram imaginar bem a situação, as lembranças, a lista de música e o que elas significavam.

    petalasdeliberdade.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Todo mundo passa por isso. Li uma frase mais ou mesmo assim: "Corações partidos, ninguém escapa meu bem."
    É complicado mesmo, mas passa. Beijinhos.

    http://truquesdeumagarota.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oie.
    Tenho que dizer que seu texto transmitiu tanto sentimento que até deu uma dor aqui no meu peito. Coisas assim comprovam minha teoria que o amor é a melhor e a pior coisa que podemos sentir, e parece que quando mais queremos esquecer algo, é exatamente quando até o ar faz questão de nos fazer lembrar. Sendo real ou não, seu texto ficou bem intenso, amei!
    Você escreve muito bem honey, estava com saudades de seu blog :3
    Beijos :*

    http://meuuniversox.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. ai meu Deus, esse texto me fez lembrar de mancadas que meu namorado (agora noivo) deu no passado :(

    beijos
    Talita

    Tá rolando sorteio de um Unicórnio do Meu Malvado Favorito:
    Cereja Rocks
    Loja Cereja Rocks

    ResponderExcluir
  6. Bem legal seu texto.

    BLOG: www.junhiimce.com .<3.

    ResponderExcluir
  7. Adorei o texto. É difícil superar partidas, mas elas são inevitáveis :/
    Beijos,
    destemidagarota.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. e você ainda não me incluiu nesse projeto né, hashtag chateada :(

    ResponderExcluir
  9. Gostei muito do texto, ainda tô pensando se foi sua imaginação ou se ele é real UAHUAHU talvez ele tivesse servido pra mim há algumas semanas, talvez no meu blog até tivesse um um pouco parecido com esse. Mas, é assim mesmo, se for sua imaginação, parabéns, o texto ficou ótimo! Se for realidade, vai passar, a vida se encarrega de nos deixar bem de novo :)
    mil beijos!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo